img-book
Categorias: , Etiqueta:

Férias de Agosto
de Cesare Pavese

de: Cesare Pavese

Através de breves narrativas, repletas de encantos subtis, Pavese apresenta-nos uma prosa cuidadosa e precisa, num livro que é um inventário dos temas mais caros a Cesare Pavese: o mito inocente e selvagem que se revela no campo, a solidão citadina, a memória da infância mítica, as contradições que remetem para os valores primordiais da […]

9,50

Tag:
Autor/a
Livros disponíveis de Cesare Pavese
sobre o livro
Overview

Através de breves narrativas, repletas de encantos subtis, Pavese apresenta-nos uma prosa cuidadosa e precisa, num livro que é um inventário dos temas mais caros a Cesare Pavese: o mito inocente e selvagem que se revela no campo, a solidão citadina, a memória da infância mítica, as contradições que remetem para os valores primordiais da existência. Férias de Agosto está dividido em três as partes: «O mar, onde as memórias infantis se transformam em veículo de conhecimento»; «A cidade, onde uma juventude mais adulta tenta desenvolver o jogo das descobertas da meninice»; e «A vinha, onde a diferença entre homem e rapaz adquire o auge na comemoração de uma idade absoluta». A linguagem, como escreveu Italo Calvino, é «transparente, suave, cuidadosa», e as personagens são «extraídas de uma matéria afectiva ainda quente; imagens raríssimas, embora ligadas de tal forma a uma verticalidade da memória que nos provocam arrepio». Contos como «O Blusão de Couro» ou «As Casas» incluem-se entre as demonstrações mais significativas e completas da narrativa de Pavese.

A obra foi traduzida por Ana Hatherly, que retomou e reviu a tradução que ela própria já tinha publicado, em 1965, na editora Arcádia.

Detalhes

Editora: Quasi Edições
Data de publicação: 2008 (1946)
Nº de páginas: 200