img-book
Categorias: , Etiqueta:

Amar, Verbo Intransitivo. Idílio
de Mário de Andrade

de: Mário de Andrade

Amar, Verbo Intransitivo, de 1927, marca a estreia de Mário de Andrade como romancista. A originalidade da linguagem, a proximidade da palavra escrita à língua falada e o alheamento das regras gramaticais assinalam o modernismo da obra. A história de Carlos, adolescente numa família burguesa tradicional, e da sua iniciação sexual por Fraülein Elza, contratada […]

12,00

Tag:
Livros disponíveis de Mário de Andrade
sobre o livro
Overview

Amar, Verbo Intransitivo, de 1927, marca a estreia de Mário de Andrade como romancista. A originalidade da linguagem, a proximidade da palavra escrita à língua falada e o alheamento das regras gramaticais assinalam o modernismo da obra. A história de Carlos, adolescente numa família burguesa tradicional, e da sua iniciação sexual por Fraülein Elza, contratada para o efeito, chocou a burguesia da época.

«A língua que usei. Veio escutar melodia nova. Ser melodia nova não quer dizer que feia. Carece primeiro a gente se acostumar.»

Detalhes

Editora: Maldoror
Data de publicação:
Nº de páginas: 168