Saule Marceau, de Juliette Achard

Saule Marceau, de Juliette Achard

Aproveitando a sua passagem por Lisboa, para apresentação do seu documentário Saule Marceau no DocLisboa, recebemos ontem à noite na Tigre de Papel a cineasta Juliette Achard, em mais uma sessão de cinema organizada pela nossa amiga Anne Leclercq. Além da projecção, houve ainda oportunidade para conversar com a realizadora sobre o filme, sobre as condições em que o produziu e a história de vida que lhe serviu de mote. Saule Marceau relata a história do irmão de Juliette que, a dada altura, decidiu, como um aventureiro do velho Oeste, deixar os subúrbios de Paris para montar uma pequena exploração agrícola no campo. Do entusiasmo às dificuldades de adaptação, à concorrência com os grandes produtores ou ao estrangulador endividamento bancário, Saule Marceau é um impressionante testemunho dos dramas do inferno neoliberal.